"(...) -Como eu gosto de você?

Eu gosto de você do jeito que você se gosta".

O Mundo no Engenho... e o ENGENHO do Mundo

domingo, 12 de dezembro de 2010

Jardins...


 Delicadezas, Fênix, 2010

Ecos - Fênix, 2010.

O jardim discreto - Fênix, 2010.



Jardim Selvagem - Fênix, 2009.

Apelo - Fênix, 2010.

Primavera, Fênix, 2010

O Anjo que vejo - Fênix, 2010.

O meu jardim se ilumina 
todas as noites dentro de mim:
Ofereço um raio de luz...
Se ele lhe seduz,
Aceite.
Tome-o como um lembrete
De que sempre há alguma beleza
  A se revelar para gente...

 Descobertas - André ( 9 anos), 2010...

 O conteúdo do blogue - textos, desenhos, fotos, etc -, 
pode ser copiado e distribuído desde que citada a fonte /autora 
 e,que não seja de forma alguma comercializado.
 

2 comentários:

Malu disse...

Perdi-me entre tantas belas flores e tão suaaves aromas deste jardim tão bem arranjado!!!
Foi um grande e maravilhoso passeio, FÊNIX.
Obrigada

Amapola disse...

Boa noite, amiga.
Que maravilha essas flores do seu jardim...
O poema é lindo também.

Estou lhe seguindo.

Um grande abraço.

Related Posts with Thumbnails

Google+ Followers

FaceMundo