"(...) -Como eu gosto de você?

Eu gosto de você do jeito que você se gosta".

O Mundo no Engenho... e o ENGENHO do Mundo

sexta-feira, 19 de julho de 2013

A face oculta



( letra - sem melodia)


A face oculta - desenho/Gimp - s/d.

Estou voltando para mim.
Tentei tocar as faces do mundo:
Encontrei as de Caim.

Seus braços abertos
Um riso incerto
Só trevas no amar.

Nada a resgatar
Daquilo que se perdeu -
Deus perdoa, não eu.

Devo somente passar...
Lamentos são correntes
Que não nos permitem andar.

O sacrifício da inocência;
A lágrima sentida;
O preço da existência é a coragem da partida.




Nenhum comentário:

Related Posts with Thumbnails

Google+ Followers

FaceMundo