"(...) -Como eu gosto de você?

Eu gosto de você do jeito que você se gosta".

O Mundo no Engenho... e o ENGENHO do Mundo

quinta-feira, 17 de dezembro de 2009

Sopa de Letrinhas


                                                                 (Às belas crianças...)
Todo o poema numa palavra só...
Infinita, mas pequena,
Que até me dá um nó...
Tão sincera e serena
Que de mim só faz é pó...
Quem diria que sozinha
Sem engenho ou varinha
Numa sopa de letrinhas
Eu não me encontraria só?

3 comentários:

Fábio disse...

Oba tudo blz aí? Estou passeando pelas paginas. Qdo der e c der acessa meu blog para uma visita WWW.ECOSDOTELECOTECO.BLOGSPOT.COM . Sucesso aí. Abraço

FÊNIX CRUZ disse...

Olá Fabinho! Fico feliz que tenha me visitado. Eu passei pelo Telecoteco para "ouvir" os Ecos de tudo de bom que posta em seu blogue, dia 17. A dona Ivone é maravilhosa... Ela já é poesia...
Logo retorno para me deliciar com as suas postagens... Até breve!

Tailane Oliveira disse...

Que lindo Fênix...

Obrigada!

Ta uma graça...

Deus te abençoe.

Related Posts with Thumbnails

Google+ Followers

FaceMundo