"(...) -Como eu gosto de você?

Eu gosto de você do jeito que você se gosta".

O Mundo no Engenho... e o ENGENHO do Mundo

sábado, 31 de agosto de 2013

Inconsequências.

O último Samurai, 2003*

Na guerra não há tempo para as lágrimas.
Na paz,  há tempo para não deixarmos passar
Tudo aquilo que, geralmente, deixamos...

Ocupar espaços;
Preencher  momentos;
Construir memórias: legar histórias.

Viver e deixar viver
É a maior prova de coragem de um guerreiro-
A sua eternidade não está nas linhas do Céu -,
Mas, no pulsar vivo que gera nos corações.

Todo o inverso são inconsequências.

************************************************************************

Editora Cultrix - Livraria do Círculo - fone: (011)3106-3722


Belos filmes...





Símbolos...




Nenhum comentário:

Related Posts with Thumbnails

Google+ Followers

FaceMundo