"(...) -Como eu gosto de você?

Eu gosto de você do jeito que você se gosta".

O Mundo no Engenho... e o ENGENHO do Mundo

domingo, 14 de fevereiro de 2010

Saraph

 Desenho: Fênix Cruz - 2010 - "Saraph"

"Eu rondei...rondei...rondei...
De todas as formas e por todos os meios busquei levar à reflexão: o entendimento entre as partes. Mas, quanto mais eu me humanizava a fim de tocá-los, mais vícios eu assimilava... e a cegueira é tão insuportável que, por várias vezes, surpreendi-me errando e, chorei. Chorei sempre que me desconheci  diante do espelho - migrando entre uma identidade e outra -, como se traindo as duas! Ninguém, sequer imagina, o quanto é difícil a missão dos Anjos..."



Próximas publicações:

1ª) "Os Espectros na trilogia de Philip Pullman, outras lembranças  e a Condição humana...";

2ª) "Ubuntu:  este Pingüim não vai para a geladeira! 
( Parte I ).


Como ficamos sem internet por aproximadamente duas semanas, pedimos desculpas aos leitores. Sanado o problema, estamos publicando os atrasados a partir de hoje, um a cada dois dias. Até a próxima publicação!

Nenhum comentário:

Related Posts with Thumbnails

Google+ Followers

FaceMundo